Empreendedorismo

Fundador da Wine revela o que fez para conseguir o primeiro investimento

29/01/2018 • por meuSucesso .com

Veja o que o que Rogério Salume fez para conquistar o investidor que acreditou e investiu na Wine, maior e-commerce de vinhos da América Latina.

 Para um negócio crescer e prosperar, muitos empreendedores optam por buscar capital e investimento necessários para dar o suporte para a ascensão da empresa

Esse foi o caso de Rogério Salume que antes mesmo de fundar a Wine, maior loja de e-commerce de vinhos da América Latina, criou um site focado em vender vinhos pela internet em uma época que o comércio eletrônico ainda era embrionário e estava apenas no começo.

Em 2003, Rogério iniciava esse projeto de venda online de vinhos mas logo no começo percebeu que seria preciso buscar investimento para conseguir montar toda a operação.  “Nesse estudo, a gente fez um levantamento de quanto custava para ter uma plataforma, a necessidade de investimento e onde teríamos que estar. As pessoas que trabalham hoje com e-commerce e que estão estudando ou pesquisando o tema estão em São Paulo. O mercado está concentrando entre Rio de Janeiro e São Paulo e as empresas que importavam vinho estavam aí também. Eu precisava de um grande montante. O que eu teria que fazer para conseguir isso? Veio a primeira grande barreira que é o investimento”, comenta o empreendedor.

Os passos de Rogério Salume para conseguir investimento

Durante a gravação do Estudo de Caso, Rogério nos contou o que fez para conquistar o almejado investidor que foi responsável por assessorar e dar a expertise que ele buscava, como também financiar toda a operação.

1- Faça um planejamento e veja o quanto será necessário arrecadar para montar o negócio.

Rogério fez um levantamento e chegou à conclusão de que seria necessário levantar cerca de R$ 200 mil, em 2003. Para o empreendedor, o plano de negócio é importante mas é preciso muito brilho nos olhos para conquistar a pessoa que vai investir no seu sonho.

2- Procure entre os seus clientes e na sua rede de contato pessoas que possam investir no seu negócio.

Rogério Salume precisava de investimento, mas não sabia como conseguir. O que ele fez foi procurar na própria base de clientes algum investidor em potencial. Foi aí que chegou ao Decio Luiz Chieppe, presidente do Grupo Águia Branca, amante de vinho e que se tornaria investidor de Rogério.

“A gente estava abrindo o mercado de vendas de vinho no Brasil. Pensamos em buscar bancos, mas refletimos: vamos fazer melhor. A gente já vende vinho em Vitória, no Espírito Santo e já conhecemos as pessoas e quem são os clientes. Fizemos uma lista aqueles que seriam os possíveis investidores do negócio. E o primeiro da lista é um grande empresário de Vitória que apostou e acreditou nesse sonho”, comenta.

3- Conquiste o investidor pelo brilho nos olhos

Depois de selecionar Decio Chieppe como um possível investidor, foi o momento de entrar em contato com o empresário. Rogério ligou e marcou uma conversa com Decio e no dia da apresentação mostrou uma planilha com o que eles imaginavam que seriam os custos, investimento e retorno.

“Ele olhou e acho que percebeu uma oportunidade ali de um negócio disruptivo e via na gente pessoas que realmente estavam querendo fazer diferente. Perguntou se eu já conversei com alguém e eu disse que era o primeiro. Ele pediu uma semana para analisar o projeto. Quando saí da sala dele, tinha plena certeza que a gente ia ter o presente que queríamos. Eu senti que os olhos dele brilharam e saí de lá certo que daria certo”, revela Rogério.

Experimente por 7 dias grátis

Curiosidades sobre a Wine

Separamos alguns detalhes e curiosidades importantes sobre o modelo de negócio da Wine que são importantes para você empreendedor entender melhor sobre esse case de sucesso.

  • A Wine é um exemplo de e-commerce que está fora do polo Rio de Janeiro e São Paulo. Localizada no Espírito Santo, a empresa demonstrou que é possível comercializar pela internet de uma forma diferente.
  • Por ter muita recorrência nas compras, justamente por possuir diversos tipos de serviços como o Clube W, em que o cliente paga uma mensalidade e recebe vinhos em casa, a empresa conseguiu driblar um dos grandes desafios de todo e-commerce que são as compras recorrentes.
  • A empresa possui mais de 2 mil rótulos de vinho em seu catálogo. Em 2014, foi considerada pela consultoria DOM Strategy Partners a sétima empresa mais inovadora do Brasil, entre 50 companhias de 14 segmentos diferentes.

Aprenda sobre vendas no meuSucesso.com. Experimente por 7 dias grátis.

Comentários