Inovação e Tecnologia

Design Thinking: o que é e por que é tão importante para a experiência do cliente

1/07/2018 • por meuSucesso .com

O objetivo principal do Design Thinking é encontrar soluções criativas e inovadoras que possam satisfazer as necessidades dos clientes

O Design Thinking é uma metodologia utilizada para oferecer produtos e serviços de acordo com a real necessidade dos clientes. Ela é cada vez mais utilizada por empresas que desejam aperfeiçoar seus serviços de forma simples, ágil e bem planejada, uma vez que ela aproveita características de um profissional de designer — como sua forma de pensamento, potencial criativo e empatia — em todo o negócio e não apenas na criação de um só produto.

O objetivo principal do Design Thinking é encontrar soluções criativas e inovadoras que possam satisfazer as necessidades dos clientes e, para isso, um dos pilares principais é ouvir o que eles têm a dizer, através de uma etapa batizada de imersão. Por isso, um dos principais aspectos é a aproximação com o cliente. Nela, realizam-se questionários para a possível identificação de problemas. Pesquisas de satisfação, por exemplo, ajudam na elaboração do perfil de comportamento do consumidor. Elas podem ser realizadas pela internet ou, de forma mais abrangente, por telefone ou até presencialmente. Após a imersão, as equipes da empresa se reúnem para analisar os resultados e buscar soluções para os problemas apresentados.

É por conta de sua capacidade de ouvir o consumidor e criar ações com base em suas necessidades que o Design Thinking é tão importante para a experiência do consumidor. Com o envolvimento dos vários colaboradores da empresa, a responsabilidade na missão é maior e mais bem dividida. Dessa forma, cada funcionário se sente mais importante, útil ao negócio e, claro, consegue participar ativamente da empresa ao sugerir soluções e participar de "igual para igual" com os outros membros.

Assim, mais motivação será aplicada e consequentemente melhores resultados serão obtidos, uma vez que todos se sentirão responsáveis pelo sucesso do projeto, além de criar um alinhamento no discurso de venda, já que todos participaram do mesmo processo de planejamento. No entanto, um alerta: as ideias do Design Thinking jamais devem ser implementadas antes de serem testadas, evitando assim a redução de riscos e equívocos.

Curiosidades sobre o termo

Literalmente, o termo significa “pensamento do design”, ou pensar como designer. O que isso quer dizer, na prática? Segundo o livro “Design Thinking - Inovação em Negócios”, pensar como designer é abduzir. O design, para além da estética de produtos ou serviços, enquanto tipo de conhecimento, tem como objetivo a promoção do bem-estar na vida das pessoas. Se voc~e quer se aprofundar no assunto, não deixe de conferir nossa matéria sobre os 4 livros para entender a metodologia do Design Thinking.

O termo existia anteriormente, mas foi popularizado por Tim Brown, CEO da Ideo, empresa norte-americana consultora em design. O empresário busca estabelecer a diferença entre ser um designer e pensar como um. Em sua visão, todos deveriam pensar como designers, ainda que não sejam da área, para conquistar um nível de inovação radical nas empresas e na vida.

Da mesma forma que um profissional do design enxerga de forma holística o mundo ao seu redor, observando aspectos cognitivos, emocionais e estéticos que afetam as experiências humanas, empresários precisam olhar seu contexto com empatia, a fim de identificar problemas a serem solucionados, bem como criar respostas verdadeiramente inovadoras para eles. Pelo menos é isso que pensam os defensores desse método. Afinal, o Design Thinking é essencial para a concepção de novos projetos e negócios e pode ser aliado do Business Model Canvas para a construção e concepção de uma n ova empresa.

Assim, o “pensamento abdutivo” do design, como visto no livro supracitado, se refere a uma forma pouco convencional de raciocínio. “Nesse tipo de pensamento, busca-se formular questionamentos através da apreensão ou compreensão dos fenômenos, ou seja, são formuladas perguntas a serem respondidas a partir das informações coletadas durante a observação do universo que permeia o problema. Assim, ao pensar de maneira abdutiva, a solução não é derivada do problema: ela se encaixa nele”, diz a obra. 

Experimente por 7 dias grátis

Aprenda sobre vendas no meuSucesso.com. Experimente por 7 dias grátis.

Comentários