Na imagem, fachada do Laboratório Sabin, rede com mais de 225 unidades e faturamento de mais de R$ 800 milhões
Empreendedorismo

Laboratório Sabin: 3 práticas que construíram uma empresa milionária

16/07/2018 • por meuSucesso .com

Sandra Costa e Janete Vaz contam os diferenciais do Laboratório Sabin que fizeram a empresa se consolidar no mercado

Sandra Costa e Janete Vaz precisaram enfrentar muitas adversidades para colocar em prática a vontade de empreender e ter o próprio laboratório. Hoje, mais de 30 anos depois, as duas fundaram uma das maiores redes do Brasil, o Laboratório Sabin. Com mais de 225 unidades espalhadas por 22 cidades brasileiras, a empresa fatura mais de R$ 800 milhões e emprega mais de 4 mil funcionários - 77% deles, mulheres – com alta representatividade em cargos de liderança. As duas empreendedoras revelam e contam, em detalhes, toda a história da empresa desde a fundação até os diferenciais e dificuldades financeiras que enfrentaram em nosso Estudo de Caso, que será lançado dia 23/07 às 20h.  

Abaixo, separamos 3 práticas, que aprendemos durante as gravações do Estudo de Caso, que o Laboratório Sabin incentiva e desenvolve:

Customer Centric

No meuSucesso já estudamos muito sobre centralidade do cliente no processo, o que comumente costumamos nos referir a Custumer Centric. Essa estratégia coloca o cliente em primeiro lugar, visando assim a sua fidelização. Empresas que praticam o Customer Centric passam anos criando uma cultura voltada para as necessidades dos consumidores. A centralização não é apenas oferecer um ótimo serviço a ele, mas sim uma ótima experiência completa: fase de sensibilização, processo de compra e pós-compra. Para conhecer mais sobre esse conceito, acesse nosso Guia de Experiência do Cliente.

Durante o Estudo de Caso de Janete Vaz e Sandra Costa estudamos os diferenciais da empresa que levaram a companhia a destacar-se no mercado e assim estabelecer reputação perante a clientela. As duas empreendedoras comentam desse cuidado em colocar o cliente no centro do processo e ter atenção para prestar um serviço de qualidade.

A empresa foi uma das primeiras a informatizar o processo de exames, como também disponibilizar horários diferenciados, atendendo à tarde, diferentemente da concorrência. Em 1999 e no decorrer dos anos, a empresa recebeu o ISO 9000 de qualidade, o que deu ainda mais credibilidade à companhia, além de outras diversas certificações, como a SA 8000, consolidando a reputação do Laboratório Sabin em temas como responsabilidade social e gestão de pessoas.

“Como eu transformo e faço o meu serviço ser atrativo para o cliente, porque quem percebe a qualidade, a precisão, a confiabilidade do laudo, a precisão do resultado é um médico. Mas quem tem que primeiro conhecer o Sabin é o paciente, é ele que escolhe, né? E vieram a Dra. Janet e a Dra. Sandra com a inovação”, revela Lídia Abdalla, Presidente executiva do Laboratório Sabin. Um exemplo é o pão de queijo e o café tradicional que o cliente recebe após fazer os exames e passar pelo jejum. Hoje, em Brasília, onde fica a sede do negócio, esse desjejum é bem conhecido e referência, como ganhou aprovação dos consumidores.

Experimente por 7 dias grátis

Cultura do Cuidado

Janete e Sandra comentam sobre o termo “Cultura do Care”, que significa cuidar e tem três pilares: servir, cuidar e o amar. “A organização tem que fazer bem pro cliente, pro funcionário, para a nossa missão que é entregar exames de qualidade”, comentam as duas empresárias.

Para elas, é importante construir uma empresa sólida e com valores consistentes que irão fortalecer a relação com o colaborador. Para ter um atendimento de qualidade e diferenciado é preciso olhar para o quadro de funcionários e procurar proporcionar uma boa experiência de trabalho para eles também, afinal isso reflete em como o cliente é atendido.

Atualmente, a empresa é considerada uma das melhores para se trabalhar desde 2008 pela companhia Great Place To work, que avalia as companhias com melhor ambiente de trabalho e gestão de pessoas ativa. Além disso, o Laboratório Sabin possui mais de 70 premiações e reconhecimento entre as atividades exercidas e é referência como instituição com representatividade feminina, tendo Janete e Sandra como símbolos de empoderamento e empreendedorismo feminino.

Gestão e Inovação

Algo que fica claro durante o Estudo de Caso é o perfil de cada uma das empreendedoras, enquanto Janete sempre foi mais voltada para a estratégia e gestão do negócio, olhando para o todo e gerindo a empresa, Sandra sempre foi mais técnica e direcionada para os projetos e iniciativas de inovação. Mas o grande segredo das duas sempre foi olhar o mercado de todas as formas. Ou seja, muitas vezes em uma viagem e hospedagem estar atento a tudo que se faz naquele ambiente, como se é atendido, como é a recepção. Ter esse tipo de comportamento e ser observador nesse sentido de transformar as experiências rotineiras, do dia a dia, em insights valiosos para o negócio como um todo é uma característica bem marcante das duas empresárias.

Estudo de Caso

São mais de 24 Estudos de Caso com diversos empreendedores, como Caito Maia, fundador da Chilli Beans, Flávio Augusto, da Wise Up; e Robinson Shiba, da China In Box. Todos eles ensinam e contam em aulas e documentários exclusivos como fundaram seus negócios e revelam as experiências pelas quais passaram para fazer o negócio crescer. Você aprende com aulas técnicas exclusivas, com professores e especialistas de mercado, tem acesso a documentários exclusivos sobre a história do empreendedor e ainda confere materiais, checklistas e guias que consolidam o que foi aprendido.

Durante o Estudo de Caso de Sandra Costa e Janete Vaz, você aprende sobre gestão e liderança, além de boas práticas de engajamento dos colaboradores. Além disso, trazemos aulas e materiais exclusivos sobre como lidar com as adversidades, se preparar financeiramente e ter um comportamento disruptivo e inovador. Conheça mais sobre o meuSucesso!

Aprenda sobre vendas no meuSucesso.com. Experimente por 7 dias grátis.

Comentários