Na imagem, vemos uma montagem que retrata um cérebro feito de microchips que fazem relação com a ideia de inteligência artificial.
Inovação e Tecnologia

Inteligência Artificial: o que o Google diz sobre essa tendência

7/08/2018 • por meuSucesso .com

Assistentes virtuais, carros autônomos, chatbots: o que essas três inovações têm em comum? A Inteligência Artificial e o Machine Learning, duas das principais tendências deste século.

Assistentes virtuais, carros autônomos, chatbots: o que essas três inovações têm em comum? A Inteligência Artificial e o Machine Learning, duas das principais tendências que estão revolucionando o atual momento tecnológico do século XXI. Mas há um outro campo envolvendo IA e ML que ainda não está sendo tão explorado: a publicidade digital.

Em uma recente publicação do Google, a gigante de mídia afirmou que "a inteligência artificial chegou para mudar a forma como as pessoas interagem com a informação, a tecnologia, as marcas e os serviços".

Como? Através da relevância em escala

O próprio Google utiliza serviços de IA e ML em seus produtos. O Google Fotos, por exemplo, difere e agrupa o rosto de seus amigos nas fotos. Não só isso — o app também consegue identificar diferentes tipos de animais, paisagens e objetos.

"Era difícil ensinar a um computador a diferença entre um gato e um cachorro com a programação tradicional. Com o machine learning, alimentamos o sistema com diversas fotos tagueadas de cães e gatos. O sistema analisa pixels e padrões, e começa a estimar qual é qual. Com o tempo, ele aprende a diferenciar os dois animais", explica o texto do Google.

Experimente por 7 dias grátis

Já imaginou como isso pode ser útil para o direcionamento de produtos aos clientes?

O Google Assistant é produto mais bem desenvolvido pela companhia norte-americana quando o assunto é IA. O app usa reconhecimento de fala e compreensão das estruturas da linguagem natural (como sintaxe, fonologia e semântica) para ajudar usuários na realização de tarefas no mundo real. De acordo com a empresa, o software é "o primeiro progresso real no sentido de criar uma experiência conversacional real capaz de oferecer às pessoas um Google sob medida para elas".

Mas como isso pode ser útil aos profissionais da publicidade e marketing?

Essas ferramentas geram novas oportunidades ao entregar personalização e relevância em escala. Plataformas como o Search (Pesquisar) e o YouTube, por exemplo, impactam bilhões de pessoas e transformam a publicidade digital em uma mídia de massa. Em um futuro próximo, o vasto potencial de personalização da inteligência artificial será capaz de adaptar as campanhas ao desejo do consumidor, garantindo mais vendas e mais resultados.

Além disso, as novas integrações devem possibilitar a criação de produtos com base em características como histórico de compras e relevância contextual. O próprio Google cita o exemplo do lançamento do smartphone Pixel como exemplo:

"Uma boa parte da nossa estratégia de lançamento girou em torno de experimentos com machine learning para incrementar nosso alcance e o engajamento do público-alvo. Nós usamos uma nova ferramenta da Doubleclick chamada Custom Algorithm, que aumenta o número de impressões visualizáveis exibidas em posições premium. Analisando o histórico da campanha, ela amplia a possibilidade dos anúncios serem exibidos para o público-alvo mais relevante. Quando comparada a outras campanhas que não usaram a ferramenta, a visualizações em inventário premium da campanha do Pixel mais que triplicaram com uma queda de 34% no CPM", diz o texto da companhia.

A empresa Instacart é outro exemplo de uso do machine learning. A companhia de delivery usou o TensorFlow (open-source de machine learning) para desenvolver um sistema que prevê a sequência de seleção de produtos mais eficiente para seus clientes dentro das lojas. A Walt Disney Company, por sua vez, usa processamento de linguagem para acionar trilhas sonoras às histórias contadas por pais aos seus bebês, tudo através de um app.

E isso é só o começo. Ambas as tecnologias ainda devem evoluir muito e, consequentemente, aumentarão as possibilidades não só para o setor de publicidade e marketing, como também todos os demais campos interessados.

Está preparado para o futuro?

Série Trends do meuSucesso.com tem como objetivo trazer uma visão sobre os avanços tecnológicos que estão presentes no nosso cotidiano, afetando a forma como interagimos com o mundo e também como fazemos negócios.

Esses temas acima são os principais assuntos abordados na série, que foi gravada no Vale do Silício, nos Estados Unidos, e que será apresentada em cinco episódios em formato de documentário com a participação e relatos de grandes nomes do mercado internacional, como Curtis Sasaki, VP de internet das coisas na Samsung Strategy and Innovation Center, e Annie Lien, especialista e consultora em carros autônomos.

Mais do que apresentar esses assuntos, o objetivo da produção é aproximar os temas da realidade dos empreendedores brasileiros, independentemente do porte e do segmento. Para isso, além do material gravado no Vale do Silício a série vai contar com bate-papos com especialistas brasileiros, que vão falar sobre a aplicabilidade daquele conceito na realidade nacional. Portanto, além dos 5 episódios em documentário, você terá acesso a entrevistas exclusivas com grandes nomes do cenário brasileiro de negócios e inovação. Conheça mais sobre a série Trends, que traz ensinamentos valiosos sobre as novas tecnologias que são tendência hoje!

Aprenda sobre vendas no meuSucesso.com. Experimente por 7 dias grátis.

Comentários