Gestão

O quanto o Brexit afeta os empreendedores brasileiros?

15/07/2016 • por meuSucesso .com

Entenda, para nós aqui no Brasil, quais os impactos disso tudo

Você deve ter acompanhado no noticiário, nos últimos dias, as informações sobre a saída do Reino Unido da União Européia, episódio que ficou conhecido como Brexit, abreviatura para a expressão British Exit (algo como Saída Britânica, em inglês). A questão, apesar da decisão soberana da população por meio de um plebiscito, ainda está um tanto quanto turva e, oficialmente, a separação ainda não foi concretizada. Até porque países que compões o reino, como é o caso da Escócia, votaram a favor da permanência e ameaçam se tornar independentes para continuarem na UE. Ou seja: muitas águas ainda vão rolar.

Mas, para nós aqui no Brasil, quais os impactos disso tudo? Como os empreendedores e profissionais brasileiros podem ser impactados (ou já está sendo) por tudo isso?

Elencamos abaixo alguns pontos importantes sobre o assunto:

Câmbio

Depois que o Brexit venceu, a moeda oficial do Reino Unido, a libra esterlina, entrou em queda livre e se desvalorizou muito. Como o estado sob a coroa de Elizabeth II figura entre os principais parceiros comerciais da maior parte dos países do mundo, inclusive o Brasil, o impacto é imediato sobre exportações e importações. Em efeito cascata, atinge toda a cadeia produtiva, podendo gerar a necessidade de reajustes em tudo.

Exportação

O efeito nas exportações não será imediato, já que o Reino Unido segue legislações do bloco e deve passar por um longo processo de negociações para abandonar a União Europeia. Então, as empresas brasileiras que fazem exportações para a UE através do país devem continuar a exportar seus produtos sem interrupções ou maiores dificuldades.

Internacionalização

Talvez os mais afetados sejam os empreendedores brasileiros que usam o Reino Unido como “hub” para chegar em todo o mercado da União Europeia. Mesmo que o desvencilhamento total do Reino Unido demore, a incerteza da situação faz do país um cenário ruim para fazer novos negócios e investir dinheiro. As empresas que buscam Londres quando querem se estabelecer na UE, devem procurar outros destinos.

Conteúdo Administradores.com especial para o meuSucesso.com

Comentários