Ele fez o que era impossível aos olhos dos outros, não aos seus: produziu, mesmo sem recursos e matéria – prima e fez voar a primeira aeronave brasileira.


No último dia oito, Ozires Silva, nome brasileiro que enche de orgulho sua nação, completou 90 anos de idade. A uma década de se tornar centenário, queremos lembrar da brilhante história deste homem e o que ele fez pela sociedade não só brasileira mas mundial. Nenhuma homenagem será suficiente para honrar seu árduo trabalho em décadas. Para quem não conhece a trajetória incrível de Ozires Silva,  vamos ajudar a entender. Piloto da FAB – Força Aérea Brasileira, se dedicou durante anos à aviação até que seu grande sonho fosse finalmente realizado: a fabricação de aviões no Brasil.

Sua carreira começou na FAB em 1948, depois de anos foi estudar engenharia aeronáutica no ITA, Instituto Tecnológico de Aeronáutica, porque mesmo exercendo a carreira de piloto, seu grande sonho era que o Brasil fabricasse aviões para atender uma grande demanda não somente nacional, mas mundial, enxergada por ele – visionário e inconformado – que era a aviação comercial regional. Mais tarde, já formado, liderou a equipe que desenvolveu a primeira aeronave brasileira e fundou, então, em 1969, a Embraer, para que o avião Bandeirante fosse fabricado. Mas essa história tem muitos percalços pelo caminho, te convidamos a entender tudo que aconteceu até que finalmente o projeto Bandeirante decolasse, literalmente.

Estudo de caso de Ozires Silva 

Sua trajetória, contada no meuSucesso, mostra a quantidade de obstáculos que Ozires Silva precisou enfrentar. As adversidades vinham de todos os lados, as dificuldades eram imensas, mas ele foi em frente e hoje a Embraer é líder mundial na fabricação de jatos comerciais de até 150 assentos, e terceira maior fabricante de jatos do mundo, com mais de 100 clientes. De sua fundação até 1986, Ozires Silva esteve no comando da estatal, deixando o cargo para assumir a presidência da Petrobras, mas, em 1994, ele retomou seu posto na Embraer para conduzir o processo de privatização da empresa.

Essa história é rica em detalhes. Um empreendedor nato, que nunca desistiu de transformar seus sonhos em realidade. Um menino simples que tinha um grande amigo que sonhava o mesmo sonho que ele, foram juntos para a aeronáutica mas, infelizmente, anos mais tarde, um acidente aéreo tirou sua vida, deixando Ozires Silva sozinho para realizar o que ambos acreditavam ser possível. Apesar da tristeza, Ozires nunca desistiu e nem desperdiçou as oportunidades que surgiram em seu caminho e com muita obstinação ele fez o que era impossível aos olhos dos outros, não aos seus: produziu, mesmo sem recursos e matéria – prima e fez voar a primeira aeronave brasileira.

Em 50 anos de história, a Embraer já entregou mais de 8 mil aeronaves, e está presente em dezenas de países. Ozires Silva sempre foi um grande resolvedor de problemas, e que empreendedor não têm problemas na sua caminhada? Ele teve muitos, escassez de recursos, disputa de poder, governo e muito mais. Para aprender com essa trajetória fascinante e descobrir toda a história da aviação brasileira, contada, aos detalhes, por Ozires Silva, acesse o estudo de caso e aprenda sobre resiliência, coragem, sonhos, adversidades, gestão de crise, liderança e muito, muito mais. Além de aprender você vai se emocionar! Ainda não é assinante? Experimente grátis por 7 dias!

Aline W de Paula