Empreendedorismo

Empreendedorismo digital: conceitos e definições

26/06/2014 • por meuSucesso .com

Entenda esse cenário e como o ambiente virtual pode ser um ótimo espaço para se fazer negócios

Com a popularização da internet banda larga e o aumento expressivo de seus usuários nos últimos tempos, o espaço virtual passou a não representar apenas um campo informacional, de diversão ou entretenimento, mas também uma possibilidade para negócios. Dentro desse novo cenário surge, então, o empreendedorismo digital. A realidade de empreender na internet, muitas vezes fazendo o próprio horário e trabalhando para si mesmo, com a possibilidade real de um bom retorno financeiro, é o presente e o futuro dos negócios, à medida que o mundo se torna mais tecnologicamente dependente e globalmente conectado. 

Grandes empresas físicas passaram a ter também lojas virtuais e, além disso, grandes negócios exclusivamente virtuais são exemplos de empreendedorismo digital, como Netshoes, Submarino e Amazon, empresas que surgiram dentro desse novo mercado e alcançaram grande relevância, concorrendo, inclusive, com lojas físicas de tradição. A comodidade de comprar pela internet, sem sair de casa, ou mesmo estando em qualquer lugar onde haja acesso à rede, faz com que os negócios virtuais cresçam cada vez mais. 

Mas, o que é empreendedorismo digital, enquanto conceito teórico?  Pode-se entender o empreendedorismo digital como o desenvolvimento de um modelo de negócios para oferecer um produto ou serviço diferenciado através de um meio digital gerando lucro. Há várias formas de colocar esse conceito em prática, mas as mais comuns são as duas seguintes: desenvolver um produto/serviço próprio e passar a comercializá-lo na internet, ou vender produtos de terceiros, através de um blog ou site. Nesse último formato, você se torna um afiliado de produtos que você vende. Os critérios de decisão com relação ao que será comercializado (tanto para um afiliado quanto para um desenvolvedor de produto próprio) são fatores determinantes para o sucesso do empreendimento digital. 

O Sebrae possui um material específico sobre negócios digitais e o arquivo traz informações relevantes quanto à escolha do nicho de mercado, ou seja, a decisão que determinará o que será vendido. O material traz, inclusive, um roteiro para guiar tal escolha. Esse é o passo inicial no empreendedorismo digital e, como já dito, é de extrema importância. Ter uma ideia na cabeça não é sinônimo de oportunidade de negócios. Verificar se o que se está planejando é viável, se há espaço, se existe um nicho de mercado para o produto/serviço que o empreendedor deseja comercializar, se há pessoas dispostas a pagar por esse produto ou serviço, são ações indispensáveis ao começar a empreender na internet. 

Além de identificar se existe o espaço, é preciso averiguar se o mercado proporcionará vendas suficientes para render um lucro compensador diante do esforço empreendido no negócio. Se há possibilidades concretas de mercado e lucro, então existe uma oportunidade de negócio. Se não, o empreendedor precisa retroceder, talvez adaptar a ideia, pesquisar e estudar mais, repensar, inovar, para então investir.

Outro fator extremamente importante na escolha do nicho de mercado é ter afinidade com o setor. Escolher esse ou aquele mercado visando apenas ou principalmente o retorno financeiro é um grande erro. Se o empreendedor tem paixão pela sua ideia e se ele conhece a área que escolheu, tem mais chances de sucesso, como acontece com qualquer empreendimento. Conhecimento, portanto, dá área com a qual se quer trabalhar e sobre o empreendedorismo digital e como ele funciona, são os termômetros finais na decisão do empreendedor quanto a colocar em prática ou não a sua ideia. 

Pode parecer óbvio, mas não custa lembrar que um forte interesse pelo mundo virtual é bastante desejável ao investir em um empreendimento digital. Isso porque o negócio exigirá que o empreendedor esteja conectado durante grande parte do seu dia e, se ele não se sente confortável com isso, ao longo do tempo, essa dificuldade pesará. O envolvimento com redes sociais também é essencial para promover o negócio. O empreendedorismo digital está intimamente ligado ao marketing digital, e compreender isso é essencial a quem deseja se aventurar em negócios do mundo virtual.

Conteúdo desenvolvido pelo Administradores.com exclusivo para o meuSucesso.com

Comentários