Marketing

Não deixe que o Facebook gerencie seu orçamento- por Camila Porto

24/04/2015 • por Camila Porto

Se você deixa tudo por conta do Facebook é a mesma coisa que permitir uma criança de 6 anos fazer suas compras do mês no supermercado

Na coluna anterior falamos sobre os “Erros que estão queimando seu dinheiro no Facebook”. Hoje, quero ressaltar que outro erro muito comum dos profissionais de redes sociais é deixar APENAS o Facebook gerenciar seu orçamento. Muitas pessoas não sabem o que fazer no momento de definir quanto e como gastar seu investimento e deixam tudo no automático. Assim, o Facebook faz a festa, tendo em vista que ele quer que você gaste o máximo possível.

Minha dica é: faça anúncios com pelo menos dois modelos de pagamento. Você pode deixar no automático (caso não saiba o que fazer), mas tenha outro anúncio que você configura os valores máximos de investimento (mesmo que você não tenha certeza do que fazer). Assim você pode saber qual está gerando mais resultado.

Se você deixa tudo por conta do Facebook, é a mesma coisa que deixar uma criança de 6 anos fazer suas compras do mês no supermercado. Ela terá R$300,00 para gastar, mas com certeza não trará as coisas que você realmente precisa para passar o mês. Por isso, você pode dar R$150 para o Facebook gastar e a outra parte você define como investir.

Não cuidar da sua página de destino

Este problema é clássico. Recebo vários e-mails por semana de pessoas reclamando que não conseguem vender com suas campanhas. Elas alegam que investiram vários reais e não venderam nada e que o Facebook não funciona. Sempre pergunto: Qual é a sua página de destino?

O que é uma página de destino?

Uma página de destino é o lugar para onde você direciona as pessoas que clicam no seu anúncio. Ela também é chamada de “Landing Page”. Isso vale para um negócio local também. Sua “página de destino” é sua loja, seu estabelecimento. É importante que você entenda uma coisa: “Anúncios não vendem. Anúncios levam as pessoas para onde você vende. Quem vende é sua página de destino”.

Se você leva as pessoas para uma página que:
•    Demora para carregar;
•    Sua loja não tem um bom atendimento (se for negócio local)
•    Não tem um visual legal;
•    Não tem informações suficientes;
•    Tem tudo menos o produto que você está anunciando;
•    Não tem o mínimo de condições para a pessoa converter…

Adivinhe o que acontece? Você não vende! Você está queimando dinheiro.
Por isso, pense em tornar tudo o mais fácil possível para seu cliente. Não faça ele pensar, faça ele percorrer o caminho entre: clicar no anúncio, ver o produto, comprar.

Comentários

Quem escreve

Camila Porto

Fundadora em Camila Porto Marketing Digital

Autora do livro “Facebook Marketing: Como gerar negócios na maior rede social do mundo”, pela editora Novatec. Formada em Comunicação Institucional na UTFPR e especialista em Marketing pela PUC-PR. Ministra os cursos Facebook Essencial e Facebook Ads com mais de 5 mil alunos em todo o Brasil.