Empreendedorismo

Criando apresentações mais assertivas para sua empresa

28/04/2016 • por Marco Franzolim

Até uma apresentação institucional, que poderia ser imutável, acaba sofrendo muitas mudanças de acordo com o público que vai assisti-la

Existe um momento na vida de toda startup que as oportunidades de se apresentar começam a surgir. Eu passei por isso com a MonkeyBusiness, quando em 2010, 2 anos depois do nosso nascimento, os convites começaram. Como somos uma agência especializada em apresentações profissionais, confesso que não sofremos com isso e estávamos preparados para assumir essas oportunidades, que acabaram virando ótimos negócios para a empresa.

E você? Está preparado para suas primeiras apresentações decisivas?

Não cometa o erro que muitos acabam caindo, pensando somente em qual software usar, qual é o mais animado, etc. Esqueça a forma. Dê uns passinhos para atrás e comece pensando em planejar a sua apresentação para cada situação que você for convidado a apresentar.

E lembre-se: mudou o público-alvo, mude a apresentação. Sempre crie um material 100% customizado para aquela plateia que está te assistindo, sob o seguinte parâmetro: pense no que eles querem saber sobre você. Seja objetivo e não encha seus slides com informações desinteressantes: história do fundador, missão, visão e valores não vão ajudar muito em uma apresentação comercial, por exemplo.

Até uma apresentação institucional, que poderia ser imutável, acaba sofrendo muitas mudanças de acordo com o público que vai assisti-la.

A assertividade é o grande fator de sucesso para apresentações de startups. Isso porque, quando temos a oportunidade de apresentar, é preciso acertar em cheio. E criar uma apresentação assertiva passa pelo seu planejamento, antes mesmo de abrir o Powerpoint. Entenda o seu objetivo com aquela apresentação, quem é o seu público-alvo, o que ele quer saber sobre você (e o que ele não quer), qual reação você quer despertar nele e como você vai fazer para garantir que essa reação seja alcançada.

Planeje tudo isso. Tenha esses pontos muito claros na sua cabeça. Só depois de conclui-los, vá fazer seus slides. Assim você garante uma apresentação mais eficiente e concisa, que com certeza vai gerar mais resultados para você e a sua empresa.

Comentários

Quem escreve

Marco Franzolim

Sócio diretor de comunicação em MonkeyBusiness

É sócio-diretor de comunicação da MonkeyBusiness, agência de apresentações, e professor, ministrando aulas na ESPM e cursos in company para empresas como Banco do Brasil, SEBRAE, GM, Red Bull, Via Varejo, Boehringer, Telefônica, Almap BBDO e JWT. Sua experiência no mercado inclui mais de 2500 apresentações para mais de 400 empresas, entre elas as maiores empresas do Brasil como AmBev, Visa, Natura, Danone, Nestlé, Coca-Cola, Bradesco, Globo, Nike, Santander entre diversas outras.