Thái Nghiã, da Goóc, especializada em calçados e acessórios feitos de pneus reciclados, conta como enfrenta a crise
Empreendedorismo

Thái Nghiã, fundador da Goóc, revela o que fazer para enfrentar a crise

2/02/2017 • por Sandro Magaldi

Veja qual é o segredo do empreendedor para enfrentar um momento de instabilidade

Recentemente, conversei com Thái Nghiãfundador da Goóc, que trouxe uma visão muito relevante sobre como tem encarado a crise no seu negócio e o que está fazendo para enfrentar esse desafio. A história do Thái é um épico. Refugiado do Vietnã passou por toda sorte de adversidades até encontrar na Goóc - empresa especializada em calçados e acessórios feitos de pneus reciclados -a concretização de sua visão de mundo. O Thái é o típico empreendedor idealista que não abre mão de seus ideais na concretização de seu projeto.

Ele me contou a receita com a qual decidiu lidar com a crise atual e construir um 2017 próspero. Ele irá atuar em cima de 4 Ps (não são os 4 Ps do Marketing):

Pessoas

Um ambiente muito instável influencia de forma marcante todas as pessoas sem exceção. Os impactos podem gerar desestabilidade emocional e dificuldade adicional para lidar com um contexto que já adverso por natureza. É necessário cuidar de si mesmo, investir em autoconhecimento para se fortalecer. O Thái é adepto da meditação como uma das formas de se chegar a esse objetivo, porém qualquer estratégia que contribua para o fortalecimento pessoal é válida.

Processos

É necessário rever todos os processos para tornar a empresa o mais ágil possível e centrada no cliente. Thái citou o exemplo da revisão do processo comercial da Goóc que envolve a migração de toda força de vendas de uma abordagem transacional para uma mais orientada ao cliente, buscando enxergar as nuances de seu negócio e otimizar a participação da Goóc como fonte geradora de lucratividade (lembrando que o cliente típico da Goóc são lojistas e varejistas de calçados em geral)

Produto

Como a instabilidade econômica gera impactos no poder de compra dos consumidores, é necessário rever a formatação de produtos e política de preços. O objetivo é não perder proximidade com clientes tradicionais que, em situações como essa, podem derivar sua atenção e consumirem produtos concorrentes mais baratos. Thái adotou a política de lançar produtos mais acessíveis para manter sua influência junto aos clientes

Mercado (Place)

Thái buscou novos canais de distribuição para seu produto visando estar mais próximo do cliente. Encontrou um segmento composto por bazares, papelarias e similares que permitiram aumentar a capilaridade do produto. Esse novo canal gerou uma lucratividade menor ao negócio, pois estão sendo desenvolvidos do zero, porém, o aumento da distribuição compensa essa perda.

Gostei muito dessa visão didática que o Thái compartilhou conosco. Um dos insights que mais gosto do empreendedor é: não delegue sua felicidade a ninguém ou a algo como uma crise.

Só você é responsável por ela. It is up to you!

Comentários

Quem escreve

Sandro Magaldi

CEO em meuSucesso.com

A experiência de mais de 25 anos com vendas, gestão de pessoas, liderança e inovação, fizeram de Sandro Magaldi uma figura reconhecida no meio empreendedor. Além de ser CEO do meuSucesso.com, o empresário é mentor da Endeavor e foi professor dos MBAs da ESPM, FIA e Fundação Dom Cabral. O mestrado em Administração de Empresas pela PUC-SP e a pós-graduação em Marketing pela ESPM ajudaram Sandro a aprimorar seus conhecimentos técnicos e práticos. Além de palestrante é autor dos livros "Movidos por Ideias: Insights para Criar Empresas e Carreiras Duradouras" e “Vendas 3.0: Uma Nova Visão para Crescer na Era das Idéias” definido por Philip Kotler como “um daqueles livros que nos fazem pensar”.