Inovação e Tecnologia

As lições da Netflix para quem empreende

8/12/2015 • por meuSucesso .com

O tempo passou, o mundo mudou e a Netflix soube acompanhar as tendências

Quem pegou o barco no meio do caminho talvez ache que a Netflix é uma empresa que surgiu do nada e se tornou um fenômeno mundial do dia para a noite, com superproduções próprias e desafiando a indústria tradicional de Hollywood. Mas a história não é bem assim. A companhia tem a inovação em seu DNA, claro. Mas ela não é tão nova quanto parece e já foi um pouco diferente do que é hoje. Sua história é marcada por guinadas e um timing para lá de perfeito. Você tem muito o que aprender com essa gigante.

Errou quem pensou que a Netflix foi fundada a menos de cinco anos. E errou também quem acreditou que a companhia foi fundada nos anos 2000. Pasmem: a data de fundação da empresa é 29 de agosto de 1997. Naquela época, ela era uma locadora de filmes quase igual a todas as outras. Mas tinha um diferencial que a colocava em outra patamar: ela entregava os filmes em casa.

O tempo passou, o mundo mudou e a Netflix soube acompanhar as tendências. Foi quando ela criou seu primeiro sistema de assinaturas. Funcionava assim: o cliente pagava um valor fixo mensalmente e tinha direito a pegar a uma quantidade x de títulos, com os quais poderia ficar até o final do mês. Isso começou a deixar os concorrentes de orelha em pé. Mal sabiam eles que o pior ainda estava por vir.

O principal concorrente da Netflix, a Blockbuster, teve uma oportunidade única e seus diretores e acionistas devem se arrepender até hoje de não a terem aproveitado. Em 2000, recebeu uma proposta para comprar a empresa por R$ 50 milhões de dólares, mas rejeitou. Hoje a Netflix é avaliada em mais de US$ 32 bilhões e tem mais de 60 mil assinantes. A Blockbuster quebrou. 

A base formada pela Netflix em seus primeiros anos, sua primeira fase, foi fundamental para a grande virada que a companhia deu com o serviço de streaming. Esse é outro fator importante da trajetória da companhia.

É fundamental ressaltar ainda a aposta que a companhia tem feito na originalidade. Embora seu modelo já fosse disruptivo, ele mais cedo ou mais tarde vai gerar concorrentes tão bons quanto. Continuar inovando num negócio desse tipo é o grande desafio. E a companhia tem conseguido. 

As produções originais hoje geram mais interesse no público do que a ideia de simplesmente ter um acervo ilimitado de filmes para ver quando quiser. 

Parcerias estratégicas também fazem parte do sucesso da Netflix. Um exemplo é o acordo com a empresa tem com a Marvel, do qual têm saído projetos de extremo sucesso.

Conteúdo Administradores.com especial para o meuSucesso.com.

Comentários