Marketing

Estratégias diferenciadas para se destacar nas redes sociais

6/11/2015 • por meuSucesso .com

É preciso saber utilizar essas ferramentas e otimizá-las para seus objetivos

É consenso que, hoje, ter uma boa presença nas redes sociais é fundamental para qualquer negócio ou empreendedor. Seja para promover sua marca ou mesmo ampliar e movimentar sua rede de contatos, elas são muito importantes. Mas não bastar estar lá. É preciso saber utilizar essas ferramentas e otimizá-las para seus objetivos. Estratégias ruins ou mesmo a ausência de um planejamento podem criar problemas que vão desde a perda de tempo com ações que não geram resultados até crises de imagem que podem comprometer permanentemente sua marca.

O Facebook, Twitter e LinkedIn são, hoje, três das mídias sociais mais importantes do mundo. Abaixo, elencamos alguns aspectos que precisam ser considerados para se destacar nelas. Confira as dicas:

Não force a barra no LinkedIn

Posicionada como rede social profissional, o LinkedIn é um espaço voltado ao público corporativo, tanto profissionais quanto empresas. Para as companhias, tem sido uma importante ferramenta para encontrar talentos, se relacionar com colaboradores e fortalecer sua marca empregadora. Para pessoas físicas, é uma boa maneira de encontrar oportunidades e fazer marketing pessoal. Nesse último aspecto, atue com bom senso. Não tente forjar uma imagem que você não tem e não perturbe as pessoas pedindo avaliações ou que elas intermediem contatos para você. Networking é algo que precisa acontecer de maneira transparente e orgânica. Contatos forçados mais assustam do que constroem pontes. 

Entenda o público de cada rede (e o seu)

Não tente replicar em todas as redes sociais a mesma estratégia. Não vai dar certo. Hoje existe uma grande diversidade de redes e cada uma tem absorvido seus nichos. No quesito faixa etária, por exemplo, isso é muito claro. Dados recentes mostram que o Twitter, embora tenha perdido força no panorama geral, tem se fortalecido junto ao público com mais de 30 anos. Então, de repente, uma estratégia focada para essa faixa etária pode ter mais sucesso por lá do que no Instagram.

Não espere que Mark Zuckerberg seja seu amigo

Muitas marcas e produtores de conteúdo têm se reclamado do Facebook, devido às restrições de alcance impostas pela rede. Não espere caridade de Mark Zuckerberg. O Facebook é um negócio e, embora esteja baseada na cultura do grátis, não dá nada de graça a ninguém. Se você é uma marca, para aparecer na rede, mais do que ter uma boa estratégia, vai ter que colocar a mão no bolso. Uma ação bem planejada ainda é o grande diferencial (se ela for ruim, não haverá dinheiro no mundo que a torne boa). Mas para chegar a um público grande, vai ser preciso investir. E, nesse caso, é importante estudar bem a ferramenta de anúncios, para saber qual a melhor maneira de anunciar.

Conteúdo Administradores.com especial para o meuSucesso.com.

Comentários