Marketing

Meu país influencia na percepção da minha marca?

21/01/2016 • por meuSucesso .com

A resposta mais simples é: sim. Mas o assunto é bem mais complexo

Pouco se fala hoje, mas nos primeiros anos que se seguiram à Segunda Guerra Mundial, as marcas do Japão eram enxergadas no mercado global mais ou menos como vemos as chinesas hoje. Apoiadas num plano de recuperação urgente do país, devastado pelo conflito, as companhias japonesas ficaram famosas por venderem produtos de qualidade duvidosa, a preços baixíssimos, produzidos com mão de obra extremamente barata. Como, em poucas décadas, essa percepção mudou de forma tão drástica?

A China já iniciou uma trajetória parecida com a do Japão. A era dos "xing-lings" parece estar entrando em declínio e, agora, as companhias chinesas querem conquistar maior relevância e credibilidade. São exemplos disso a Xiaomi (celulares), Chery (carros) e até mesmo a Baidu, uma das marcas de tecnologia mais odiadas no Ocidente e que agora tenta limpar a imagem do passado para construir uma reputação mais confiável.

Afinal: o país influencia a percepção da marca no exterior ou as marcas é que constroem a reputação do país? Talvez uma resposta simplista a essa pergunta confunda mais do que explique. Há uma série de fatores em jogo e de uma maneira extremamente interdependente. 

É óbvio que a imagem (muitas vezes, meros estereótipos) de um país tem um papel importante na maneira como uma empresa vai ser enxergada lá fora. Quem nunca ouviu dizer que "Fazer negócios com chineses é arriscado" ou que "Você deve se integrar à tradição japonesa quando for fazer negócios no país, porque eles são muito rigorosos nesse sentido"?

Você, brasileiro, empresário, é extremamente responsável e costuma chegar sempre na hora exata marcada para um compromisso. Mas pode ter certeza de que um americano que, porventura, venha encontrar você vai considerar a possibilidade de atraso, por sermos famosos pelo nosso pouco apreço à pontualidade.

Perceba bem que essas visões podem afetar marcas. Mas, ao mesmo tempo, veja que a cultura se constrói no dia a dia e, por mais que existam estereótipos cristalizados, você pode transformar impressões apressadas e surpreender positivamente.

Pense nisso!

Conteúdo Administradores.com especial para o meuSucesso.com.

Comentários