Fique Por Dentro

ASK: 3 dúvidas sobre finanças que também podem ser suas

19/08/2015 • por meuSucesso .com

O expert do meuSucesso.com Maurício Galhardo participa deste Ask

A área de finanças é tão cheia de detalhes que mesmo experts no assunto já tiveram alguma dúvida na hora de tomar uma decisão na área. Quando a expertise do empreendedor é focada em outras áreas, então, é ainda mais comum que surjam inseguranças. Desde como organizar as contas, passando por como definir o que é receita ou não, até chegar a questões mais complexas, como a que destinar uma reserva da empresa, tudo isso gera questionamentos.

Pensando nisso, o meuSucesso.com trouxe o especiallista Maurício Galhardo para responder questões sobre o tema no Ask desta semana. Veja abaixo algumas das perguntas enviadas pelos assinantes e as respostas:

Empresas pequenas costumam começar com o financeiro bem organizado. Mas, com o decorrer do tempo, as coisas acabam ficando um pouco bagunçadas. Qual a sua dica para evitar esse problema?

Conforme ressalta Galhardo, todo empresário, quando inicia, tem um volume pequeno de informações. Ele vai tratar das finanças, da gestão de pessoas e de vendas, basicamente. Mas, com o passar do tempo, é natural que ele acabe se dedicado às coisas que curte mais. "E aí, se finanças não for seu forte, pode ser que fique para trás. Então, a grande dica é: entender seu perfil como empresário e, automaticamente, quando o negócio for crescendo, delegar funções, na medida do possível", afirma.

Um assinante contou que tem um market place online e recebe comissões pelas vendas realizadas na plataforma. Ele quis saber, então, se deve considerar como receita apenas os valores das comissões ou todo dinheiro que passa pelo market place.

Galhardo destaca que, primeiro, é importante que ele controle bem a relação entre o valor que entra e o percentual que cobra, independente de qualquer coisa, por uma questão de organização. Sobre a pergunta mais especificmente, o especialista diz: "O faturamento da empresa é a comissão. É aquilo que ele tem, de fato, para usar".

Como destinar uma reserva financeira da empresa: repassar para os sócios ou economizar para tempos de crise, por exemplo?

"Sempre que uma empresa gera resultados, fica uma dúvida sobre se esse dinheiro vai para o bolso dos sócios ou se fica para uma reserva. A melhor ferramenta para tomar essa decisão é manter um fluxo de caixa organizado, com projeções de caixa para o futuro. Assim fica mais fácil de visualizar o resultado e ter uma noção de quanto vai precisar no futuro. É importante também pensar que é preciso fazer reinvestimentos no negócio. Essa reserva pode ser direcionada a isso", afirma Galhardo.

Veja a íntegra do Ask, com todas as respostas: https://meusucesso.com/conhecimento/cursar/ask-20/?aula=167

Comentários