Natura investe e testa seus produtos na nuvem

8/07/2019 • por meuSucesso .com

Multinacional brasileira apostou na Google Cloud Plataform para acelerar seu processo de inovação.

O mundo da beleza e cosmética é um dos mais fascinantes do mercado e teve o  crescimento notado na Beauty Fair 2018 – maior feira das Américas do setor, que aconteceu no mês de  setembro. O aumento das vendas foi de 60% em relação ao ano anterior, 2017. O segmento flutua nas ondas da tecnologia, aliando tratamentos às inovações que não param de chegar ao mercado que,  após passar por uma crise, empina para alto e segue em ritmo de crescimento.

Essa associação de beleza e tecnologia começa a aparecer e salta aos olhos de muitos grupos, entre eles, o que caminha para a sustentabilidade e proteção animal. Recentemente, a Natura – gigante brasileira que, inclusive, está entre as empresas mais sustentáveis do mundo, buscou outra empresa global, a Google, para fazer testes na nuvem, isso mesmo – a mesma nuvem em que se coloca fotos, vídeos, documentos e etc. A multinacional brasileira apostou no Google Cloud Platform para otimizar e acelerar o processo de inovação de seus produtos.

Além de armazenar os dados técnicos de testes laboratoriais realizados pela empresa, a plataforma de computação em nuvem é capaz de cruzá-los com agilidade e avaliar a efetividade dos ativos, além de permitir simulações de benefícios do produto.

Com o desenvolvimento dessa inovação, a Natura ganhou a capacidade de testar uma planta para mais de 400 ativações diferentes, de uma só vez. A companhia investe em inovação e tecnologia e não é de hoje. E é por ter um vasto banco de dados que está conseguindo otimizar de tal maneira seus experimentos. Depois dos testes na nuvem, o produto final será aplicado na pele 3D e, só então, testado por consumidores – ressaltando que a empresa já deixou de testar em animais há mais de uma década.

Ao chegar nesse patamar de testes na nuvem, a Natura segue em busca de velocidade na inovação e lançamento de novos produtos no mercado, com menos impacto ambiental. Um público cada vez mais exigente, em busca de cosméticos eficazes, ecologicamente corretos e inovadores está no mercado esperando para consumir. E se engana quem pensa que o setor de cosméticos atinge apenas mulheres, os homens estão cada vez mais interessados nesse tipo de recurso.

Buscar a inovação num mundo tão vasto não é uma tarefa simples, nem barata, mas é a chave para um produto ter sucesso e atingir o público alvo, além de despertar o interesse do mercado em geral.  

Na plataforma do meusucesso.com, o estudo de caso da empreendedora serial, Cris Arcangeli, fundadora da Phytoervas, Eh! e Beauty In, aborda, em detalhes, todas as vezes em que Cris resolveu não somente lançar uma marca ou produto, mas em que resolveu inovar. Essa é a grande característica dela, sempre levando ao mercado produtos inéditos. Aproveite o estudo de caso da ‘Antifrágil’ para aprender com quem sempre esteve à frente do seu tempo, abrindo mercado quantas vezes fosse preciso e mergulhe de vez no mundo do empreendedorismo inovador.   

Experimente grátis por 7 dias! 

Experimente por 7 dias grátis

 

 

 

 

Comentários