Líderes discutindo sobre gestão de pessoas
Pessoas

Desafios da liderança: Virei chefe, e agora?

16/03/2017 • por Sofia Esteves

Veja quais são os maiores desafios no momento de liderar alguém ou uma equipe. Esteja atento e aprenda com as dicas!

O principal desafio de um gestor de “primeira viagem” é aprender, de forma prática, o que muda de seu papel anterior para este – o da cadeira de gestor. Se durante esse aprendizado você ficar angustiado ou tiver muitas dúvidas saiba: isso é normal!

Existem diversas formas de você se preparar para esse passo em sua jornada empreendedora, afinal, em algum momento você imaginou – e desejou – ter funcionários. Uma das maneiras de se preparar é observar outros gestores e buscar novos conhecimentos. Isso pode facilitar essa adaptação.

Outro grande desafio de quem passa a contar com uma equipe é deixar de fazer as coisas, delegar a outras pessoas as atividades operacionais que você sempre fez muito bem e que, provavelmente, te mobilizaram a abrir sua empresa.  É claro que, no início, todos fazem de tudo um pouco e raramente o empreendedor não se envolve nesse contexto. O importante – para o seu desenvolvimento e o crescimento do seu negócio - é que, aos poucos, você passe apenas a gerenciar a execução. É esse certo afastamento do operacional que abrirá espaço em sua agenda para conquistar novos clientes e desenvolver estratégias que só você, como dono da empresa, pode fazer.

Desenvolva os seus colaboradores

Porém, é importante saber que, para desenvolver pessoas, é necessário ter interesse genuíno em fazê-lo. Os colaboradores que trabalham ao lado de gestores interessados apresentam outro nível de engajamento na execução de suas tarefas. Não encaram cobranças como cobranças simplesmente. Eles passam a enxergar a importância de cada atividade para o seu crescimento e crescimento da empresa e é desse tipo de envolvimento que você precisará para fazer seu negócio prosperar. Acredite. Alguns exemplos práticos de “como fazer” uma gestão interessada é não dar respostas prontas e sim ensinar a encontrar soluções, além de se organizar para ter tempo de conduzir feedbacks claros e frequentes. Pode parecer simples, mas essas duas ações, feitas de maneira estruturada e frequente, podem fazer toda a diferença.

Para te ajudar a trilhar um caminho de sucesso nesse novo papel, vou dar algumas dicas práticas e certeiras. Preparado? Então, vamos lá!

  1. Busque ser próximo e acessível a seus colaboradores.
  2. Conheça bem cada profissional da equipe, para poder delegar atividades condizentes com a capacidade de cada um.
  3. Como agora você é "um exemplo a ser seguido" e tem o papel de desenvolver pessoas, preocupe-se com a forma com que passa orientações e feedbacks.
  4. Estabeleça uma relação de confiança e parceria com sua equipe.
  5. Tenha sempre coerência entre o que fala e o que pratica, assim é mais fácil criar vínculos com seus colaboradores.
  6. Agora você é uma fonte de conhecimento para sua equipe, então, mantenha-se atualizado.

E, por último, porém, não menos importante, lembre-se de que agora uma de suas funções principais é inspirar pessoas. Boa liderança!

Comentários

Quem escreve

Sofia Esteves

Presidente do Conselho em Grupo DMRH /Cia. de Talentos

Fundadora e presidente do Conselho do Grupo DMRH, compartilha neste espaço o que há de mais novo em carreira e gestão de pessoas. Ideias, reflexões e tendências para impulsionar o desenvolvimento pessoal dos empreendedores e de sua equipe.