Equipe de pessoas discutindo estratégias de Agile Marketing
Marketing

Agile Marketing: o que é e como aplicar no seu negócio

30/03/2017 • por meuSucesso .com

Um conceito que vem ganhando popularidade ultimamente é o Agile Marketing, ou Marketing Ágil

Todos querem mais em menos tempo. Resultados, experiências, informações, produtos e serviços. É um imperativo para quem vive e trabalha na era da informação e do conhecimento. Mas para superar os limites do que é humanamente possível, é preciso esquecer velhos hábitos e adotar novas maneiras de fazer as coisas.

Um conceito que vem ganhando popularidade ultimamente é o Agile Marketing, ou Marketing Ágil. Sua origem não está nas disciplinas de mercado ensinadas na academia, mas nos processos adotados por empresas de tecnologia e software a partir da segunda metade do século passado. Além disso, essa metologia se relaciona muito com outros dois métodos muito utilizados no Vale do Silício, que ganharam fama nos últimos anos, que são: o Lean Startup, conceito criado por Eric Ries, e o Growth Hacking, que traz o conceito de visar o crescimento por meio de diversas estratégias.

Antes, era comum que projetos fossem desenvolvidos no modelo em cascata. Ou seja, assim que uma etapa fosse concluída, outra teria início, e assim por diante. Com esse método, foram construídas barragens, hidrelétricas e outras obras grandiosas. São projetos de andamento lento e que exigem conformidade em vários níveis por razões de segurança.

No entanto, esse modelo não funciona muito bem para serviços, como softwares e marketing. Os prazos são bem mais apertados e o produto não precisa estar 100% para ser lançado no mercado -- na verdade, é bom que ele não esteja perfeito. A partir do feedback de clientes, o produto ou serviço pode ser aperfeiçoado em tempo real.

As quatro premissas do manifesto do Agile Marketing

Portanto trata-se de um jeito diferente de pensar a questão dos processos. O manifesto para o desenvolvimento ágil de softwares tem quatro premissas:

1. Indivíduos e interações são mais importantes que processos e ferramentas;

2. Um software que funciona é mais importante do que uma documentação completa;

3. Colaboração com os clientes é mais importante do que negociações contratuais;

4. Responder às mudanças é mais importante do que seguir um plano.

O mesmo roteiro de valores se aplica ao marketing, e então temos o chamado Marketing Ágil. Trata-se de uma inovação sobre processos, e não sobre o produto final. Sua relevância pode ser facilmente observada nos resultados: prazos respeitados, equipe responsiva, maior previsibilidade e serviços em constante aperfeiçoamento, que culminam em maior competitividade.

Em geral, o método utilizado para implementar o Agile Marketing é o Scrum. Trata-se de uma metodologia proprietária -- existe uma certificação internacional -- capaz de aumentar a velocidade e a qualidade do produto. Consiste em quatro etapas principais que interagem entre si e são cíclicas:

Planejamento de sprint > sprint e scrums > avaliação do sprint > retrospectiva do sprint

Sprint é um ciclo de desenvolvimento onde cada equipe seleciona a funcionalidade que irá desenvolver e se concentra nela durante um determinado número de dias. No início de cada dia, as equipes fazem uma breve reunião para discutir o que foi feito no dia anterior e antecipar problemas.

No final do processo, a equipe apresenta seu trabalho em uma avaliação de sprint; em seguida, é feita a retrospectiva do sprint e parte-se para o próximo, reiniciando o ciclo. A ideia é que, após cada sprint, a equipe apresente um serviço cuja aplicação seja passível de demonstração. Dessa maneira, o cliente tem a sensação de que o andamento do projeto está acelerado e que o investimento vale a pena.

Você já aplicou metodologias de Agile Marketing em sua empresa? O que achou? Deixe sua opinião nos comentários.

Conteúdo Administradores.com especial para o meuSucesso.com

Comentários